sábado, 11 de junho de 2011

A soberania de Deus e a Fragilidade do homem,








 “Os céus manifestam a glória de Deus...” (Sl. 19.1). Talvez o salmista estivesse a contemplar a natureza, quando escreveu este versículo. Não importa a ocasião; o certo é que todas as coisas no universo apontam para a grandeza e soberania do nosso Deus: “Tua é, Senhor, a magnificência, e o poder, e a honra, e a vitória, e a majestade; porque teu é tudo o quanto há nos céus e na terra” (I Cr. 29.11). Tal majestade faz um homem rico e poderoso como o rei Davi dizer humildemente: “Eu sou pobre e necessitado, mas o Senhor cuida de mim: tu és o meu auxílio e meu libertador...” (Sl. 40.19a). O mais glorioso em tudo isso é pensar como este Deus tão grande pôde nos amar, enviando seu único Filho para nos livrar da morte eterna, sendo nós tão pequenos, pecadores. 

 O mais intrigante é perceber que, ainda assim, muitos continuam negando o nome do Senhor. Se você, leitor, se encontra nesta situação, veja o que JESUS disse: “Aquele que me confessar diante dos homens, eu o confessarei diante do meu pai, que está nos céus, mas aquele que me negar diante dos homens, eu o negarei diante do meu pai que está nos céus” (Mt. 10. 32-33). Se você acha que precisa de um Deus que te liberte e se há algum motivo para agradecê-lo e aceitá-lo, que os faça hoje, entregando sua vida sem reservas a JESUS, pois todos precisamos dos seus cuidados!

Seja abençoado com esta mensagem, e se anime a buscar este Deus amoroso.




Paulo Victor.
Membro da Igreja Evangélica Assembleia de Deus, na cidade Upanema-RN.  Componente da Orquestra Embaixadores Reais e da Banda Raízes do  Apocalipse e Acadêmico de Direito na UERN.

Nenhum comentário:

Postar um comentário